Imagem
Esta entrevista com o autor, Christopher Bryson, do livro "The Fluoride Decepcion", demonstra que o fluoreto usado em nossa água é uma substância altamente tóxica e que até nas concentrações usadas na água, produz doenças físicas, limita nossa inteligência e reduz nosso nível de energia. 

O flúor é aclamado como um produto químico inofensivo que prevene a cárie dentária, porém novas evidências mostram como o flúor pode estar ligada a problemas de saúde graves. Ao longo das décadas precedentes à Segunda Guerra Mundial, o fluoreto foi adicionado ao abastecimento público de água em todo os EUA

O uso de água fluoretada está proibido em todos os países da Europa com exceção da Irlanda e existe um forte movimento Internacional para educar a população e eliminar o fluoreto das nossas torneiras


 
 
 Imagem
Esta é uma palestra da Dra. Rima Laibow da Natural Solutions Foundation (Fundação de Soluções Naturais), na Associação Nacional de Profissionais de Nutrição (NANP), sobre os acordos comerciais da Organização Mundial do Comércio (OMC) e suas regulamentações acerca da produção e comercialização dos alimentos. 

Em 1962 e ONU criou a Comissão do Codex Alimentarius (CAC) como uma Comissão de Comércio. Ela foi criada para controlar todos os aspectos de como alimentos e suplementos nutricionais são produzidos e vendidos para o consumidor. 

A sua influência estende-se a todos os continentes e o seu impacto na saúde dos consumidores e nas práticas do comércio de alimentos em todo o planeta pode não ser tão favorável quanto pensamos.


 
 
 Imagem
Este filme é a continuação de outro já postado aqui, "O Que Andam a Pulverizar Pelo Mundo?" Que conseguiu acordar bastantes pessoas, levantando a questão sobre os efeitos nocivos dos chamados "chemtrails" e outros programas de geo-engenharia

Com este documentário, você vai aprender como os aerossóis sendo pulverizados em nosso céu são usados ​​em conjunto com outras tecnologias para controlar o clima. Geo-engenheiros afirmam que seus modelos são apenas para a mitigação da teoria amplamente desmascaradas do aquecimento global. 

O que é certo é que este tipo de "instrumentos" da geo-engenharia podem ser usados como forma de consolidar uma enorme quantidade de poder  monetário e político nas mãos das elites capitalistas. 


 
 
 Imagem
"Plantando a Mudança" acompanha a jornada do autor para entender o porquê de os sistemas alimentares atuais deixarem centenas de milhões de pessoas morrer à fome. Se já se produz comida suficiente para alimentar o mundo porquê que tantas pessoas passam fome? Esta é uma viagem para entendermos como o mundo se vai adaptar no futuro face às crises ambientais, sociais e económicas que se vivem.

Depois de ouvir sobre os esforços da Venezuela para desenvolver um sustentável sistema de alimentação e agricultura, o cineasta viaja até lá com o objetivo de descobrir o que podemos  aprender com esta posição ambientalista e sustentável tomada pelo país. 

O documentário começa com uma investigação sobre a crise alimentar global de 2008, analisando as causas a longo prazo subjacentes, conduzindo-nos através de um novo sistema alimentar. 


 
 
 Imagem
Este mini-documentário produzido pela GreenPeace reúne testemunhos de agricultores da Argentina e EUA para nos falarem sobre como as suas culturas tolerantes a herbicidas (alteradas geneticamente) têm afetado a sua economia, o meio ambiente e as comunidades.
 
Testemunhos, assim como o relatório do economista agrícola Dr. Benbrookprevêem um futuro sombrio para a Europa: a dependência excessiva de culturas tolerantes a herbicidas, nos EUA, que desencadeou o aparecimento e rápida disseminação de quase duas dezenas de ervas daninhas resistentes ao glifosato, aumentando os custos de exploração da produção,  bem como a quantia e toxicidade dos herbicidas necessários para evitar a perda de rendimento maior.


 
 
 Imagem
"Food Inc", produzido e dirigido por Robert Kennerapresenta a realidade por trás das indústrias de alimentos, que dificultam ao máximo que os consumidores saibam a verdadeira origem do que estão a comprar ou mesmo a ingerir. Mostrando em imagens aéreas vastos campos agrícolas, este documentário começa por refletir como o que comemos mudou mais nos últimos 50 anos do que nos 10 mil anos anteriores. 

O filme vai revelando o que realmente acontece na cadeia produtiva alimentaria nos Estados Unidos, desde a manipulação e monopólio de grãos de milho e soja até a forma repugnante a criação e abate de animais para o consumo humano. O documentário expõe também a fraqueza dos organismos de fiscalização dos produtores agrários, liderados por antigos colaboradores das grandes empresas, como a Monsanto, que dominam os mercados. 


 
 
 Imagem
Este documentário feito pelo Instituto Nina Rosa, uma ONG sem fins lucrativos, foi feito em quatro idiomas - português, francês, inglês e espanhol e distribuído para 400 organizações em todo o mundo.

Alguma vez pensaram em todo o trajeto de um bife antes de chegar ao seu prato? 

Com algumas cenas fortes, este filme fala-nos sobre o processo industrial da granja, do abate dos bovinos, entre outros animais. Algumas cenas são marcantes, como o abate dos bois, como tratam as galinhas, como os animais são criados em espaços pequenos para que não gastem energias e possam engordar mais, os bezerros que são separados das mães logo ao nascer - conhecido como "baby beef", etc.

O documentário conta com depoimentos dos jornalistas Washigton Novaes e Dagomir Marquezi, entre outros, como pesquisadores universitários.

Atenção este documentário contém cenas chocantes!


 
 
 Imagem
Este documentário trás-nos uma investigação sobre a forma como os alimentos geneticamente modificados se foram introduzindo, discretamente, nos supermercados e nos pratos dos E.U.A e Europa.

A partir da pradarias de Saskatchewan, no Canadá até os campos de Oaxaca, México, este filme dá voz aos agricultores cujas vidas e meios de subsistência foram negativamente afetados por esta nova tecnologia. As implicações para a saúde, as políticas governamentais e impulso a globalização fazem parte da razão pela qual muitas pessoas estão alarmadas com a introdução de culturas geneticamente modificadas no nosso abastecimento alimentar. Examina a complexa teia de mercado e as forças políticas que estão a mudar aquilo que comemos como grandes empresas multinacionais procuram controlar o sistema mundial de alimentos.

"O Futuro dos Alimentos" explora também alternativas para a agricultura industrial em larga escala, colocando a agricultura agroecológica e sustentável como soluções reais para crise agrícola hoje.


 
 
 Imagem
"O Alimento é Importante" é um documentário produzido por James Colquhoun e Carlo Ledesma que confronta a medicina tradicional com a ortomolecular, a medicina baseada na nutrição, mostrando-nos como a nossa maneira de tratar as doenças é errada.

O filme também mostra o ciclo vicioso da agricultura de hoje em dia, que acaba com os nutrientes do solo, formando plantas frágeis aos ataques de pestes. Isto acaba por levar à aplicação de pesticidas, que as contaminam, e acabam envenenando quem as come.

Como vimos nos documentários anteriores, empresas como a Monsanto só têm a lucrar com a venda de produtos pesticidas.


Você sabia que 70% dos pacientes de qualquer estágio de cancro tratados com quimioterapia, radiação ou cirurgia morrem em menos de 5 anos? E que mais da metade dos pacientes em estado avançado de cancro tratados com vitaminas e com alimentação baseadas muitos vegetais crus sobrevivem?


 
 
 Imagem
Nós seres humanos somos 60% constituídos de água, e o planeta terra é coberto em 71% pela mesma.
Temos vindo a assistir a uma contaminação violenta de quase todas as nossas reservas de água potável, sejam dejetos humanos ou de animais, produtos farmacêuticos, pesticidas e uma infinidade de produtos químicos que são lançados nos nossos mananciais, rios e córregos e a ciência ainda não sabe o que toda esta contaminação provoca no nosso organismo.  

A produção de alimentos associada aos insumos químicos consome 5 vezes mais água para poder dissolvê-los. Essa combinação, água e químicos, é desastrosa.
O descanso de muitos governos em relação à água faz desconfiar que haja algo por trás, a escassez define o valor de um bem (quanto mais escasso mais precioso), sendo assim, existem muitos grupos interessados em lucrar com o fornecimento de algo precioso. O documentário trata de como essa relação com a água vem se estabelecendo ao redor do mundo.


 

    Temas

    Todos
    Água
    Alimentação
    Ambiente
    Aquecimento Global
    Consumo De Carne
    Corporações
    Geo Engenharia
    Monsanto
    Transgénicos



    Tenha acesso ao nosso feed de notícias no facebook clickando gosto



    Parceiros